Blog do Kuramoto

Este blog se dedica às discussões relacionadas ao Open Access

Sobre

Esse blog se dedica, principalmente,  às questões relacionadas ao acesso livre à informação ciéntífica e temas afins cobertos pela Ciência da Informação. Mas, o blog oferece também uma página para a divulgação de cursos e eventos na área de Ciência da Informação e outras áreas afins como a Tecnologia da Informação e da Comunicação. A partir de hoje, dia 17 de janeiro de 2012, haverá uma divisão de serviço. Doravante, haverá dois editores: Hélio Kuramoto se dedicará exclusivamente ao tema central do blog e às questões relacionadas à Ciência da Informação.  A profa. Suely de Brito Clemente Soares será a editora responsável pela página de Divulgação de Cursos e Eventos.

34 Comentários »

  1. Caro Prof.Kuramoto
    sou medico, PhD em Saude publica pela USP.Estou interessado em cartões com chip individualizado que contenha o prontuario eletronico da pessoa. Tem conhecimento desse tema?
    contato 011-76562308

    Comentário por prof dr jose knoplich | novembro 20, 2008 | Responder

    • tente consultar a turma do portal do software publico (site), o pessoal de TI da prefeitura de fortaleza (site) se não tem lá , ao menos vais conseguir a luz no final do tunel! (-:

      Comentário por Marcos Barbosa (@marcosbarbosaam) | novembro 14, 2011 | Responder

  2. Prezado Dr. José,

    infelizmente eu não atuo nessa área e não tenho qualquer informação a respeito. De toda a forma, vou procurar me informar e se encontrar alguma coisas, terei prazer em lhe informar.

    Um abraço.
    Hélio Kuramoto

    Comentário por kuramoto | novembro 20, 2008 | Responder

  3. Prezado Kuramoto,

    Primeiramente parabenizo pelo blog muito bem elaborado e com abordagens aos assuntos contemporâneos pertinentes ao acesso livre e comunicação científica. Minha dúvida é a seguinte, há alguma política/lei em andamento sobre a disponibilização de publicações esgotadas serem acessadas integralmente na web, mesmo sem a autorização do autor? Como são publicações esgotadas e provavelmente não serão editadas novamente é lamentável não oferecer seu acesso. Por exemplo, na Biblioteca do Ibict existem diversos livros da área de Biblioteconomia que encontram-se esgotados e os usuários solicitam que sejam disponibilizados na Internet. Contudo, devido aos direitos autorais não posso, mas não consigo compreender o porquê de limitar o acesso de um documento que não está mais sendo comercializado.

    Cordialmente,

    Priscilla Mara

    Comentário por Priscilla Mara | novembro 28, 2008 | Responder

  4. Prezada Priscilla,

    obrigado pelo seu simpático comentário e apoio. Eu não tenho conhecimento da existeência de qualquer legislação à respeito. O acesso livre é uma luta voltada para os artigos científicos publicados em revistas científicas. O Ibict deve lançar um novo portal até o final do ano que é o Portal Elo do Saber que é exatamente para disseminar conteúdos de acesso livre, esse tipo de conteúdo que vc mencionou. No caso em que o conteúdo tiver direitos de autor e não seja de livre acesso, o Ibict terá que negociar a sua disponbilização no Portal.

    Cordiais Saudações.
    Hélio Kuramoto

    Comentário por kuramoto | novembro 28, 2008 | Responder

  5. Bom Dia!
    Meu nome é Sônia Oliveira, sou estudante do curso de Biblioteconomia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Neste semestre estou cursando a cadeira de Informação especializada ministrada pelas professoras Jussara Pereira Santos e Ana Maria Mielniczuk de Moura. Nesta cadeira estudamos as fontes de informações especializadas nas áreas das Ciências Sociais, Humanas, Artes, Ciência, Tecnologia e Negócios. Estamos trabalhando em grupo a Comunicação Científica. Temos como tarefa falar sobre a Scholarly Publishing and Academic Resources Coalition – SPARC. Até onde eu entendi esta associação criou um repositório digital, trabalha com arquivos abertos e sua finalidade é a troca de informações científicas. Gostaria de saber, pelo conhecimento que você tem pelo assunto, se esta instituição é reconhecida no Brasil, se ela tem abrangência internacional e se vocês já utilizaram os serviços dela. Enfim, qual a sua avaliação sobre esta entidade? Agradeço muito se você puder me retornar esta mensagem e gostaria da sua permissão de publicar em nosso trabalho o seu retorno.

    Muito obrigada,

    Sônia Oliveira.

    Comentário por Sônia Oliveira | abril 8, 2009 | Responder

    • Prezada Sônia,

      o SPARC é uma organização sem fins lucrativos e tem ajudado a promover o acesso livre no mundo. Ela tem tido uma atuação bem acentuada quanto à promoção do acesso livre. Ela foi uma das instiuições promotoras do dia do acesso livre no ano passado e parece-me que está propondo nos próximos dia 19-23/10/2009, a semana do acesso livre. Portanto, ela vem cumprindo o seu papel e entendo que ela tem sido reconhecida em todo o mundo como uma das instituições atuantes no movimento do acesso livre. Nós nunca utilizamos os produtos desta organização.

      Um abraço.
      Hélio Kuramoto

      Comentário por kuramoto | abril 13, 2009 | Responder

  6. Boa noite!

    Estou iniciando o curso de bibliotecomia e gostaria de tirar uma duvida , eu queria um exemplo de uma organização do conhecimento cientifico de instituição privada

    Comentário por joice | abril 20, 2009 | Responder

    • Prezada Joice,

      eu tenho trabalhado mais com instituições de ensino e pesquisa públicas, não tenho tido contato com instituições privadas.
      As motivações para se conhecer e avaliar a produção científica de instituições públicas são muitas, uma vez que lidamos com recursos provenientes pagamento dos impostos por parte da sociedade. Não creio que haja diferenças substanciais
      entre a organização do conhecimento em uma instituição pública e uma instituição privada. Os mecanismos muito provavelmente devem ser os mesmos.

      Cordialmente.
      Hélio Kuramoto

      Comentário por kuramoto | abril 22, 2009 | Responder

  7. Prezado Kuramoto.
    Sou aluna do primeiro ano de Arquivologia da Unesp, e tenho a intenção de montar um projeto sobre repositório monstrando a atuação da Arquivologia em Repositório, mas até agora não encontrei nada que aborde este assunto. Gostaria de saber que esta relação de fato existe.
    Att.
    Mariana Simões

    Comentário por Mariana Simões | novembro 14, 2009 | Responder

    • Prezada Mariana,

      obrigado por deixar o seu comentário no meu blog. O desenvolvimento de repositórios digitais, institucionais ou temáticos estão relacionados com o movimento do acesso livre e, portanto, tem o propósito de registrar, organizar e disseminar a produção científica de uma instituição ou de uma área. Não tenho conhecimento sobre o uso dos respositórios institucionais para a área de arquivos. Os repositórios são organizados com base no uso do padrão de metadados dublin Core, o qual me parece insuficiente para abrigar os metadados necessários para as aplicações na área de arquivística. No entanto, pode ser que haja alguma iniciativa e eu não estou sabendo, tendo em vista que não acompanho a área de arquivística e que o pacote de software DSpace é um software que poderia servir à arquivistica, desde que desenvolvido algumas customizações.

      Cordiais Saudações.
      Hélio Kuramoto

      Comentário por kuramoto | novembro 16, 2009 | Responder

  8. Caro Kuramoto, fico muito feliz com seu sucesso . Estarei Acompanhando a distância .

    Abraços,

    Eliza

    Comentário por Maria Eliza da Silva | janeiro 22, 2010 | Responder

    • Prezada Maria Eliza,

      obrigado pelo seu apoio.

      Feliz 2010.
      Hélio Kuramoto

      Comentário por kuramoto | janeiro 26, 2010 | Responder

  9. Prezado Dr.Kuramoto

    Eu escrevo desde Espanha e estou a preparar as informações necessárias para um projeto do Ministério espanhol da Ciência e tecnologia na qual ele tentará integrar a plataforma SciELO com OJS del grupo PKP. Eu li sobre você na conferência LAKH realizada em 2008, e gostaria de sua opinião sobre a possibilidades da esta integração.
    Disculpe per la edição e um saudação

    POL

    Comentário por Pol Monreal | abril 26, 2010 | Responder

    • Estimado Pol,

      Primero es necesario decir que el modelo SCIELO es diferente, es centralizado, pero es possible hacer una integración entre las dos iniciativas. Yo creo que Scielo-Brasil a hecho esta integración.

      Saludos cordiales.
      Helio Kuramoto

      Comentário por kuramoto | abril 26, 2010 | Responder

  10. Prezado Dr. Kuramoto.
    Sou professor de uma escola pública estadual em Macapá, estamos implantando o laboratório de informática e estamos nos atualizando através de cursos oferecidos pelo NTE da Secretaria de Educação do Estado, gostaria de receber orientações sobre repositórios de material digital para se trabalhar com nossos alunos.
    Conheci o seu blog hoje e já o utilizei como referência em um trabalho no curso de Tecnologia na Educação da Plataforma Freire que estou fazendo.
    Agradeço desde já suas contribuições!
    Um abraço!
    Manoel Pinto.

    Comentário por Manoel da Ressurreição Farias Pinto | maio 2, 2010 | Responder

    • Prezado Prof. Manoel,

      obrigado por me enviar sua mensagem. Hoje existem diversas iniciativas de desenvolvimento de repositórios institucionais. A maioria destas iniciativas utilizam o DSpace, mas há outros pacotes de software como o E-print e o Fedora. Nos sites que distribuem esses pacotes de software existe fartos materiais sobre construção de repositórios digitais. Existe também diversos sites de projetos como o DRIVER, projeto europeu de repositórios institucionais o qual vc poderá acessar por intermédio do link: http://www.driver-repository.eu/.

      Acho que por hora são essas as indicações, caso vc tenha uma dúvida mais específica, por gentileza me faça saber.

      Um abraço.
      Kura

      Comentário por kuramoto | maio 2, 2010 | Responder

  11. Boa tarde!
    Sou professora da Rede Pública Estadual , atuante na Escola Estadual Nazaré Vasconcelos de Macapá, gostaria se possível saber mais sobre o uso da TV escola com alunos do ensino fundamental, pretendo fazer minha monografia nesta linha de conhecimento. Se não for pedir muito me indique algumas leituras para aumentar mais a minha visão acerca do tema escolhido. Aceito sugestões de amigos . Obrigada.
    Paz e bem.

    Comentário por Marisete | maio 3, 2010 | Responder

    • Prezada Profa. Marisete,

      obrigado por postar comentário em meu blog. A TV escola é uma iniciativa do Minitério da Educação e eu não o acompanho, portanto, não tenho condições de te dar qualquer auxílio a respeito. Trato apenas da questão da informação científica e do acesso livre à informação científica. Sinto muito.

      Um abraço.
      Kura

      Comentário por kuramoto | maio 3, 2010 | Responder

  12. Ok obrigada.
    Seu trabalho no blog é excelente, ajuda muito para a informação digital, gosto de ler seus comentários e as pastagens de amigos.
    Interessante quando você fala dos repositórios digitais, estou fazendo um curso de formação continuada e estamos estudando sobre esse assunto no fórum. Vou me reportar lá , escrevendo algo que você discorre aqui no blog, algum problema?
    Graça e paz.

    Comentário por marisete | maio 3, 2010 | Responder

  13. Prezada Marisete,
    não há qualquer problema, vc pode utilizar e distribuir as informações que vc quiser, pois, todas possuem a licença Creative Commons, basta dar o crédito.

    Um abraço.
    Kura

    Comentário por kuramoto | junho 2, 2010 | Responder

  14. Prezado Dr. Kuramoto,

    Sou mestranda em CI pela UFPE e meu projeto de dissertação é sobre o impacto da informação em Repositório Institucional, na verdade gostaria de propor indicadores que ajudassem na avaliação do futuro repositório da Instituição. Gostaria, portanto, de saber sobre trabalhos desta linha de pesquisa e de sua opinião sobre o assunto.

    Grata pela atenção,
    Susi.

    Comentário por Susimery Vila Nova Silva | junho 7, 2010 | Responder

    • Prezada Susi,
      obrigado pela sua mensagem. Fico contente com a sua proposta de dissertação. É um tema pertinente e que pode trazer excelentes contribuições para a área. Não conheço, no momento, nenhum trabalho com tema semelhante. Mas, creio que vc possa obter alguma informação na bibliografia que se encontra em meu blog. Antes de mais nada, vc poderá ver no link a seguir: http://digital-scholarship.org/irb/irb.html.

      Um abraço.
      Kura

      Comentário por kuramoto | junho 7, 2010 | Responder

    • Prezada Susimery,
      muito obrigado pelo seu comentário. Eu entendo que a sua proposta é de alta relevância e contribuição para a área de Ciência da Informação e, aproveito para dar o meu total apoio ao trabalho. Creio que exista trabalhos nessa linha, mas confesso que não conheço nenhum, ainda. Talvez, no link http://digital-scholarship.org/irb/irb.html, que contém uma bibliografia sobre repositórios institucionais vc encontre algum material interessante.

      Um abraço.
      Kura

      Comentário por kuramoto | agosto 10, 2010 | Responder

  15. Olá Kuramoto, tudo bem? Gostaria de divulgar uma informações sobre o E-LIS, um repositório temático da área de biblioteconomia e ciência da Informação que está completando 8 anos de vida! Outra novidade é que o repositório migrou do software E-PRINTS para DSPACE e recebe o apoio de CILEA. Segue o e-mail de Imma Subirats, a Diretora Executiva e Co-Fundadora do E-LIS:

    Dear colleagues,

    Our Team is glad to inform you about the very latest news related to
    E-LIS, E-prints in Library and Information Science
    [http://eprints.rclis.org/]:

    1.) E-LIS has recently migrated to DSpace
    AePIC CILEA – Consorzio Interuniversitario Lombardo per L’Elaborazione
    Automatica [http://www.cilea.it/]- who is kindly offering the hosting
    and technical maintenance of E-LIS pro bono, proposed in 2010 to
    change from EPrints Software to DSpace due to business and maintenance
    reasons. The E-LIS Team accepted the proposal and E-LIS was ported
    from EPrints to DSpace between December 2010 and January 2011 thanks
    to the excellent work done by Susanna Mornati and Andrea Bollini’s
    team. The migration is considered complete, and just small things to
    improve the user interface graphically should be performed during the
    coming weeks. We know that this change may lead to some difficulties
    for those used to depositing their documents with EPrints Software. We
    kindly invite you to contact us at the E-LIS mailing list
    [http://groups.google.com/group/e-lis-e-prints-in-library-and-information-science]
    and we will help and support you in the self-archiving process.

    2.) New supporting organizations
    We are glad to inform you that E-LIS repository is currently supported
    by a broader number of institutions like CILEA through the AePIC team
    which is managed by Susanna Mornati and supports E-LIS at technical
    level since January 2003, FAO of the United Nations through the FAO
    AIMS team [http://aims.fao.org/] which is managed by Johannes Keizer
    and supports E-LIS since 2010 and DURASPACE
    [http://www.duraspace.org/] that supports E-LIS since 2011.
    More information at http://eprints.rclis.org/cms/support

    3.) New E-LIS Governance
    E-LIS, not-for-profit/non-commercial project, is organised, managed
    and maintained by an international team of librarians, with different
    background. Essentially, the strong part of the repository are the 60
    national editors from 44 countries carrying out the quality control of
    the metadata from the self-archived papers and the submission and
    copyright policies. Supporting national editors, E-LIS has 5 regional
    editors that help to complete this process and coordinate their work
    as much as possible. The editorial work is performed under the
    management of an Executive Board that drives the policies, alliances,
    new actions, collaborations and any topic that is of interest to
    E-LIS. The Executive Board is made up of two chief executives, two
    representatives of the editorial team, two representatives of CIEPI -
    International Centre for Research in Information Strategy and
    Development [http://www.ciepi.org/] – which is the association created
    by E-LIS members for representing institutionally the E-LIS interest
    as a legal entity – and two technical representatives that have deep
    experience on DSpace. In addition to this structure, the advisory
    board appointed to advise the executive board is formed by
    institutions and people that support E-LIS.
    More information at http://eprints.rclis.org/cms/governance

    Last but not least …. this year is the 8th anniversary of E-LIS!

    On behalf of the E-LIS team I would like to thank to the Library and
    Information Science Community all your having placed confidence in our
    work.

    With best regards,


    Imma Subirats
    E-LIS Chief Executive and Co-Founder
    E-LIS, E-prints in Library and Information Science
    http://eprints.rclis.org/
    http://openlib.org/home/subirats/

    Comentário por Simone Weitzel | fevereiro 21, 2011 | Responder

    • Olá Simone,

      obrigado pelo seu excelente comentário. Hoje, estou sem tempo, mas, ainda esta semnaa farei um post sobre o E-LIS. Se vc quiser postar algo,l também, fique à vontade que eu postarei em seu nome.

      Um abraço.
      Kura

      Comentário por kuramoto | fevereiro 21, 2011 | Responder

  16. Caro Kuramoto, envio uma informação que merece ser divulgada.
    Abraço e tudo de bom no seu pós-doutoramento!

    MURILO BASTOS DA CUNHA é homenageado com a Medalha Rubens Borba de Moraes

    Divulgamos a comunicação do Conselho Regional de Biblioteconomia 1ª Região de que o Bibliotecário e Professor Murilo Bastos da Cunha foi escolhido com 48% dos votos válidos dos seus pares da classe para ser condecorado com a Medalha Rubens Borba de Moraes – Honra ao Mérito Bibliotecário – na capital do Brasil.

    Murilo Bastos da Cunha é Professor Titular da Faculdade de Ciência da Informação da Universidade de Brasília, Doutor em Ciência da Informação pela University of Michigan (1982), onde fez pós-Doutorado em 1997. É bacharel em Biblioteconomia pela Universidade de Brasilia (1968) com especialização em Biblioteconomia em Minas e Energia (1975) e Mestre em Administração de Bibliotecas pela Universidade Federal de Minas Gerais (1978).

    O homenageado será agraciado com a medalha no seguinte evento:

    Solenidade oficial em Comemoração aos 100 anos da Biblioteconomia no Brasil: entrega da Medalha Rubens Borba de Moraes e Dia do Bibliotecário
    Dia 23 de março de 2011 às 15 horas
    Realização: CRB-1 / STJ / ABDF/ Briquet de Lemos
    Local: Superior Tribunal de Justiça – Auditório Externo, Brasília-DF

    Congratulações ao respeitável e admirável amigo professor Murilo Bastos da Cunha pela digna e merecida homenagem diante de sua trajetória acadêmico-profissional e relevante contribuição à área da Biblioteconomia e Ciência da Informação no país.

    Cordiais saudações,

    Luciana Costa
    Profa. do Departamento de Ciência da Informação
    Universidade Federal da Paraíba

    Comentário por Luciana Costa | março 21, 2011 | Responder

  17. Dr. Kuramoto,

    Agradecemos por sua relevante presença no II Colóquio Luso-Brasileiro: Incursões interdisciplinares: Direito e Ciência da Informação.
    Um forte abraço!

    Att.

    Darlene Alves Bezerra
    Mestranda em Ciência da Informação
    PPGCI/UFF

    Comentário por darlinglene | outubro 18, 2011 | Responder

    • Prezada Profa. Darlene,

      obrigado pela sua simpática mensagem e pelo convite para ministrar a palestra no referido Colóquio. Foi uma satisfação enorme proferir tal palestra.

      Cordiais saudações.
      Helio Kuramoto

      Comentário por Helio Kuramoto | outubro 19, 2011 | Responder

  18. Prezado Kuramoto,

    Gostaria de parabenizá-lo pelo excelente trabalho que tem feito neste Blog!
    Seu Blog foi muito útil para a realização do meu Trabalho de Conclusão de Curso da Graduação “A COMUNICAÇÃO CIENTÍFICA FACILITADA PELO ACESSO LIVRE AO CONHECIMENTO: um estudo sobre os repositórios institucionais” que apresentei essa semana! Caso tenha interesse, posso encaminhar uma cópia do meu trabalho.

    Continue fazendo esse trabalho maravilhoso e nos mantendo informados sobre o acesso livre e os demais temas correlatos!

    Att.,
    Patrícia Marra

    Comentário por Patrícia Marra | dezembro 7, 2011 | Responder

    • Prezada Patrícia,

      obrigado pelos seus comentãrios. É uma satisfação saber da utilidade do meu blog. Continuarei atualizando-o para disseminar o OA no Brasil e informar toda a nossa comunidade científica.

      Um abraço
      Helio Kuramoto

      Comentário por Helio Kuramoto | dezembro 7, 2011 | Responder

      • Prezado Kuramoto,

        Alguns bibliotecários que participaram da minha pesquisa me pediram materiais sobre a questão do acesso livre e dos Repositórios Institucionais e sempre indicava seu blog, pois é uma ótima fonte de informação, tão boa que citei no meu TCC! Meu trabalho está disponível em: http://rabci.org/rabci/node/270

        Att.,
        Patrícia Marra

        Comentário por Patrícia Marra | dezembro 7, 2011

  19. Prezado Dr. Kuramoto,

    sou uma bibliotecaria italiana que trabalha numa escola internacional de doutorado. Eu so queria comprimenta-lo para o seu blog que considero um recurso importante para meu desenvolvimento professional. Entao acho que quando falamos sobre o open access nao a limite territoriais e é muito importante acompanhar as discussoes, estrategias e regulamentos de outros pais pra poder crescer em nosso.
    Vou acompanhar com muito interesse o seu blog e quero desejar voce um bom trabalho.

    Cordialmente,
    Caterina Tangheroni

    Comentário por Caterina Tangheroni | junho 13, 2012 | Responder

    • Prezada Dra. Caterina,

      Muito obrigado pelo envio de seu comentário e, também por acompanhar nossas discussões. Concordo com o seu ponto de vista. A luta pelo Open Access não conhece barreiras, não se limita a um País. Enfim, trata-se de uma luta universal, de acordo com a sua mensagem.

      Aproveito para disponibilizar este blog para uma eventual divulgação de suas idéias ou mesmo para divulgar fatos que V.Sa. queira fazê-lo neste espaço. Como mecanismo de divulgação das iniciativas Open Access, ele estará á sua disposição.

      Cordialmente.
      Helio Kuramoto

      Comentário por Helio Kuramoto | junho 13, 2012 | Responder


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 918 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: